Os Autores Eróticos do Japão se Preocupam Até Em Não Repetir os Gemidos

Os Autores Eróticos do Japão se Preocupam Até Em Não Repetir os Gemidos

Os Autores Eróticos do Japão se Preocupam Até Em Não Repetir os Gemidos

O usuário "ながれ (@nagare737)", que se descreve como ilustrador e consumidor do gênero Boys Love (BL), fez uma postagem em seu Twitter revelando que os autores eróticos de mangá fazem questão de não usar repetir a mesma combinação de "sons" de gemidos em cenas eróticas, fazendo com que a às vezes eles tenham que quebrar a cabeça pra pensar em outras combinções.

Em seu Twitter ele postou:
Quando chego a uma cena erótica onde tenho que acrescentar gemidos, sempre entro em um dilema: "Estou ficando sem combinações de あ (Ah), ん (N) e っ (Tsu)", "Talvez eu possa usar katakana ou apenas adicione reticências (...)?" É um jogo de quebra-cabeça com um número muito limitado de combinações de letras.

Ele continuou:
Quando comentei anteriormente sobre cenas eróticas deste tipo, recebi comentários como "um enigma de sílabas no qual você tenta desesperadamente evitar repetir a anterior", "a impaciência dos leitores do século XXI e o desespero do autor para continuar o fio da história sem parar por muito tempo". Certamente, se você colocar dessa forma, é emocionante.


O comentário do autor atraiu algumas opiniões nos fóruns de comentários populares no Japão, veja alguns dos principis abaixo:

Acho que entendi. A chave é o quanto você pode reduzir o "mesmo sentimento de antes" enquanto usa outra combinação para o gemido.

Quando escrevo um romance, tento evitar ao máximo ter que escrever gemidos. Não posso evitar se for um romance, mas se estou desenhando um mangá erótico e a escrita é confusa, realmente me sinto envergonhado de escrever sílabas únicas.

Eu até já copiei e colei pedaços de outra história que escrevi porque se tornou um incômodo ficar pensando nelas.

Parece que no Ocidente eles não se importam muito com esse tipo de questões.

Eu realmente me identifico com tudo o que acabei de ler.

fonte: otakomu
Manual do Otaku

"Uma chance num milhão é melhor que nenhuma chance!" – Dragon Ball

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem