Projeto Dormitório Animador: 'Cerca de 90% dos animadores deixam seus empregos em 3 anos'

Projeto Dormitório Animador: 'Cerca de 90% dos animadores deixam seus empregos em 3 anos'

O Projeto Dormitório Animador, dono de um canal no YouTube onde é compartilhado regularmente informações sobre as questões trabalhistas da indústria de anime. Postou um vídeo recentemente falando sobre o problema dos baixos salários na indústria e compartilhou uma sombria estatística "cerca de 90% dos animadores deixam seus empregos em até três anos".


Foi mencionado no vídeo que os animadores intermediários (eles fazem quadros intermediários entre duas imagens para dar a aparência de que a primeira imagem se torna suavemente a segunda imagem) trabalhando em uma série de TV pode esperar ganhar US $ 1,80 por quadro. Desenhar 300 quadros por mês significaria um total de US$ 540, mas os novos animadores que acabaram de começar a carreira terão dificuldade em desenhar tantos quadros por mês, o que significa um menor salario no final do mês, e mais dificuldades para pagar as despesas. As condições difíceis e a alta taxa de rotatividade dificultam a formação de novos animadores; o vídeo aborda os problemas de longo prazo que isso pode causar.

Um vídeo postado em fevereiro no canal detalhou a renda de um novo animador em 2019, que foi seu primeiro ano ativo na indústria. Sua receita total no ano foi de 668.000 ienes (cerca de US $ 6.000), equivalente a uma média mensal de 74.000 ienes (cerca de US $ 670). 

O que é Projeto Dormitório Animador?

O Projeto Dormitório animador é um dormitório com sede em Tóquio para novos animadores, gerenciado pela organização sem fins lucrativos Animator Supporters. A partir de 2020, o Projeto Dormitório Animador arrecadou US$ 32.425 até o momento. O projeto também aceita doações através de Patreon.

Fonte: ANN
Manual do Otaku

"Uma chance num milhão é melhor que nenhuma chance!" – Dragon Ball

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem